Picture

«Passaste pelo sinal dos homens sem o ver, mas paraste ainda assim. Volta-te para trás e poderás vê-lo lá, cimentado, a mandar-te seguir em frente. É o passado a apontar-te para o fim que se põe diante de ti, na dança alaranjada sob o mar, a jeito de um adeus. Ou de um até amanhã...
A luz terminou o seu turno e o tempo é agora de repouso. Repousa, então. A seta indica-te que há sempre outro dia… Outra oportunidade.
Talvez baixes as guardas, arrumes as armas e a aproveites...É contigo.»

Texto por IdoMind
 


Comments

idomind
05/12/2011 16:56

Shin

Estou muito vaidosa por escolheres o meu devaneio para ilustrares esta fotografia tão especial...
Gostava que o gajo que está nela a olhar para o onteontem tivesse conhecimento da inspiração que proporcionou. A ti e a mim.
Muito obrigada e um grande beijinho às outras participantes

Reply
05/12/2011 17:05

IdoMind

e que devaneio. Acho que esta foto te falou muito, foi profundo, não sei, só mesmo tu para encontrares tanta coisa numa foto tão simples ;)

Obrigada pelas tuas palavras sempre valiosas!

Reply
idomind
05/12/2011 17:14

Como sabes estou atenta aos sinais.Estes estavam lá!Descaradamente!Tomara eu que os meus fossem assim tão visíveis lololololol ou que eu não fosse tão cegueta ;)

beijos e obrigada mais uma vez

Reply



Leave a Reply